e-Commerce Negócios Tecnologia Ultimos Posts 

Omnichannel ainda precisa amadurecer no Brasil, diz especialista

Para diretor executivo da Itelios, falta investimento e mudança de cultura corporativa para total integração entre canais no país

O omnichannel, modelo de negócios no qual todos os canais de venda de determinada marca são totalmente integrados, ainda caminha devagar no Brasil. A avaliação é de Rafael Ruppel Ruiz, diretor executivo no Brasil da Itelios (www.itelios.com.br). Fundada em 1998 na França, desde 2010 a empresa implementa soluções de omnichannel nos mercados americano e europeu, onde o conceito é tido como a principal tendência do varejo para o futuro.

Para Ruppel as grandes dificuldades para a expansão do omnichannel no Brasil são a falta de investimentos em tecnologia e a mudança na cultura corporativa como um todo dentro das grandes redes. “Trata-se de algo maior do que a integração entre os canais, é você conseguir oferecer a mesma experiência para um consumidor tanto no ponto físico, quanto no e-commerce, call center e até nas redes sociais”, explica.

Permitir que um operador da rede social de uma rede varejista acesse e faça mudanças em um pedido feito pelo e-commerce da marca, por exemplo, requer modernização e, em alguns casos, uma alteração completa nos sistemas de vendas e gestão utilizados pela empresa. “E isso é custoso, assim como também é caro distribuir tablets para toda a equipe de vendas nas lojas físicas, o que criaria os chamados ‘vendedores aumentados’”, afirma o diretor da Itelios.

No caso dos tablets, a ideia é que a equipe de vendas acesse de maneira fácil o perfil do consumidor para entender por qual tipo de produtos ele se interessa, como segmentá-lo, etc. “Mudamos o paradigma do varejo dessa forma. Antes, apenas um tipo de funcionário muito específico e experiente era capaz de ‘ler’ o cliente, numa definição bastante subjetiva. Com o apoio de um tablet, o profissional pode acessar o perfil dele ali mesmo, o que inclusive tem o potencial de melhorar a experiência de compra”, conta Ruppel.

Só a tecnologia, no entanto, não é suficiente para fazer toda a transição. O especialista explica que também é necessário educar os funcionários da empresa para que considerem todos os canais como um só e não criem competição entre o e-commerce a as lojas tradicionais, por exemplo.

Essa mudança de cultural, entretanto, não pode ser prejudicial a nenhuma das partes envolvidas. Em um caso recente, uma rede orientou sua equipe de vendas a direcionar clientes em busca de um item em falta na loja para o e-commerce. Mas quando isso ocorria eles não recebiam comissão. O resultado é que os vendedores preferiam sugerir produtos semelhantes – e a taxa de conversão caiu.

Mesmo frente a esses desafios, a perspectiva para o futuro é boa. Na Itelios, por exemplo, a procura por soluções relacionadas ao omnichannel no primeiro semestre de 2017 foi maior do que nos dois anos anteriores. “É uma preocupação que tem ocupado a cabeça dos gestores e eles vão ter que encarar essa mudança”, aponta Ruppel. “Até porque o investimento vale a pena: recentemente, uma grande rede do varejo têxtil viu seu ticket médio na loja aumentar 50% depois de instituir o click and collect”.

Sobre a Itelios
Empresa especializada no desenvolvimento de tecnologia para e-commerce e estratégia omnichannel, em que todos os canais funcionam em conjunto para melhorar a experiência do consumidor. Criada na França em 1998, a Itelios chegou ao Brasil em 2008 e desenvolve projetos em diferentes tecnologias como Drupal, Salesforce, Magento e VTEX. www.itelios.com.br.

 

Wiki World

About Wiki World

Wiki World é um portal que tem como intuito se comunicar com você e você consigo através de informações e pensamentos.
Rating: 5.0. From 1 vote.
Please wait...

Comments

comments

Related posts

%d blogueiros gostam disto: