e-Commerce Ultimos Posts 

Modelo de consultoria se propõe colocar “mão na massa” e convergir seus clientes

As mudanças empresariais e tecnológicas não afetaram somente os campos práticos e operacionais do mundo corporativo mas também os modelos de empresas voltadas a ajudar e oferecer soluções.

Muito se via empresas com intuito de prestar consultoria, oferecendo decifrar algumas lacunas que o empresário/ empreendedor não via/ vê devido estar preso a sua rotina e ter que se masterizar e interiorizar suas forças na sua rotina desgastante para maximizar seus lucros, porém o que se via e ainda se vê são empresas que se instituam (estamos aqui para lhe ajudar) e não se atentam ao ponto que – O Empreendedor já tem uma rotina desgastante demais para somente ter um alguém para apontar seu erro e não os ajudar a resolve-lo. Digo isso por que antes de atuar como consultor (também) Sou sócio de uma empresa voltada a construção á seco, no qual minha atuação por um período era cuidar da parte de vendas e com orgulho fomos o maior revendedor do Brasil de um produto que fazia parte de nosso MIX (Forro em PVC) por 3 anos seguidos, sempre exigiu muito de nós e em um período muito difícil procuramos ter acesso a alguns tidos como grandes consultores e o que foi observado era: vasto conhecimento, ótima formação, experiencia gigantesca profissional, muitos já pertenceram a grandes cargos ou sócios de empresas afamadas. Mas os apontamentos eram bem relevantes, de forma assertiva e cheios de projeções, porém e a pratica? Quem vai ajudar o gestor e seus colaboradores a incluir toda aquela ação em sua pauta? Talvez a frase do mestre Bruce Lee se aplique a essa situação “Saber não é o bastante, precisamos aplicar, querer não é o suficiente, precisamos fazer“essa máxima é a explanação perfeita baseada na realidade e nessa “crise”

Meu intuito não é desmerecer ninguém muito pelo contrário, tenho apenas 28 anos (quase 29) e por mais que tenha estudado bastante até ao meu ver, estou anos luz atrás de quem tem um ótimo currículo, experiencia, vivência e mais idade. Mas quero deixar a minha reflexão a esse que eu tenho como referencia. Por que não repensar? Por que não pensar em arregaçar as mangas e falar – Vamos juntos meu amigo? Dá trabalho? Muito, mas o resultado é maravilhoso e até mais recompensador do que somente apontar, pois você faz parte do processo e se sente até um “sócio” do projeto.

Falando um pouco de nós do Grupo Dragoon  (isso puxando sardinha pra nós =] rs). Além de colocarmos a mão na massa, nós procuramos convergir nossos clientes, hoje nossa carteira é de 11 clientes fixos e tentamos ao máximo trazer eles para perto e ter algum tipo de negócio entre eles.

Temos clientes de diversos segmentos (suplementos, beleza e cosméticos, roupas, artigos personalizados, bolsas, instrumentos musicais) e conseguimos convergir eles entre si, quem fabrica ser apresentado a quem revende, quem revende aprender com o fabricante sobre os clientes, produtos e mercado.

Fomentar a troca de experiências e Mercado entre nossos clientes tem sito um diferencial da nossa consultoria que vai além do planejamento, acompanhando e assessoria.

Bom caso queiram saber mais !

Nossos contatos são:

email: dragoon@grupodragoon.com.br

Facebook: https://www.facebook.com/grupodragoon/

Instagram: https://www.instagram.com/grupodragoon/

Freitas Junior

About Freitas Junior

Co-Fundador - Editor Chefe | Publicitário, Pós graduado em Administração pela FGV e em Marketing pela Anhembi. Sócio do Grupo Dragoon de Comunicação e em uma empresa na área de construção: é louco por marketing, esportes, musicas, Bruce Lee (artes marciais) e tudo relacionado a comportamento humano, pnl e afins.

Artigos Recomendados

No votes yet.
Please wait...

Comments

comments

Related posts

%d blogueiros gostam disto: